Artigos

Giárdia Canina: o que é, como evitar e como tratar

Tutor, você sabe o que é a giárdia canina? É uma doença que causa muito desconforto gastrointestinal ao seu pet e é muito importante realizar o tratamento adequado o mais breve possível para evitar complicações. Estes casos aumentam a incidência no verão, uma vez que o clima mais quente e úmido ajuda a proliferação deste protozoário. No verão os cães também ficam mais expostos a situações favoráveis a contaminação, pois além das viagens mais frequentes, acessam locais onde podem ocorrer as contaminações.

A doença possui tratamento e na maioria dos casos a recuperação é possível se tratada de forma adequada, sem causar maiores problemas ao animal. Porém, é necessário ter cuidado para evitar sofrimento desnecessário ao seu cãozinho e também estar atento ao contágio, uma vez que outros cachorros – e até mesmo humanos – podem pegar a doença.

Mas afinal, o que é a giárdia canina?

A giárdia canina, conhecida também como giardíase, é uma doença que prejudica o trato intestinal e seu cão pode ficar bastante debilitado, pois as dores de estômago, os vômitos combinados a diarreia intensa que pode até ter presença de sangue podem causar uma desidratação grave. Como consequência a este quadro acompanham a falta de apetite, perda de peso intensificando a desidratação e agravamento do caso.


(+) Veja mais: Parvovirose Canina: entenda tudo sobre a doença


A giardíase é diagnosticada por meio do exame de fezes, no qual é analisado se há a presença ou não do protozoário. A forma correta da coleta das fezes a serem examinadas é muito importante para o diagnóstico preciso e esta orientação deve ser realizada pelo médico veterinário. Sendo assim, reiteramos a necessidade de procurar um médico veterinário para um diagnóstico mais assertivo.

Classificada como zoonose, essa enfermidade também pode infectar seres humanos. É causada pelo protozoário Giardia lamblia, uma vez que o cão entra em contato com o mesmo.

Como a doença é transmitida?

A transmissão pode acontecer de duas formas, direta ou indireta. A primeira acontece quando o animal entra em contato com outros animais infectados. Já a transmissão indireta acontece quando o animal ingere água e alimentos contaminados, ou também ao serem expostos a locais infectados sem higiene apropriada com presença de fezes, vômitos de outros organismos infectados.


(+) Veja mais: Sarna em cães: entenda sobre


É importante ficar atento e cuidar da higiene do ambiente de forma constante em locais onde já tiveram animais doentes, pois a giárdia tem a capacidade de resistir e sobreviver ao ambiente por meses quando está em forma de cisto.

Como evitar?

A prevenção da giardíase é baseada na higienização dos locais e no cuidado com o que o pet ingere.

  • Ao passear, fique atento para evitar a ingestão de resíduos que possam estar contaminados com restos de fezes ou vômitos Certifique-se de que a água do animal é filtrada ou fervida;
  • Cuidado com o contato com outros cães de rua;
  • Higienização do local com produtos específicos no local onde o pet transita;
  • Lave suas mãos e não entre em casa com sapatos sujos;
  • Além da vermifugação em dia, é possível também vacinar.

Existe no mercado a disponibilidade da vacinação para Giárdia. A aplicação é dividida em duas doses entre quinze dias para animais que recebem pela primeira vez a vacina, e em dose única anual para os já vacinados. Porém, é fundamental ter em mente que a vacina não evita 100% a contaminação, embora ajude a prevenir.


(+) Veja mais: Articulações do seu cachorro: dicas e cuidados


Tratamento da giárdia canina

Depois de identificada a doença, o tratamento é realizado com base em antibióticos e medicamentos. O sucesso do tratamento dependerá não somente dos medicamentos, mas também da higiene e manejo do ambiente. Entretanto, os medicamentos devem ser específicos para esse protozoário, por isso é imprescindível que o médico veterinário seja consultado.

A giárdia canina é considerada uma zoonose e pode ser transmitida para humanos, por isso é muito importante os cuidados e prevenção, ainda mais se o pet convive com crianças ou idosos que apresentam imunidade mais vulnerável.

A DrogaVET possui os medicamentos mais eficazes contra a giárdia canina e você pode solicitar a manipulação na forma farmacêutica e sabor que seu pet mais gosta, o que torna o tratamento mais fácil. Peça para o seu médico veterinário receitar a manipulação na DrogaVET!

Manipulado DrogaVET

Tutor, os medicamentos manipulados trazem mais praticidade, comodidade e economia, além de garantir um tratamento descomplicado, divertido e eficaz para o animal. O Manipulado DrogaVET® está presente há mais de 14 anos no mercado, promovendo pesquisas científicas e atuando em prol da saúde animal e a conscientização do cuidado com nossa fauna

Se o seu PET estiver precisando de algum medicamento, conte com a gente! Entregamos diretamente em sua casa.


(+) FAÇA SEU ORÇAMENTO – RÁPIDO E FÁCIL! Clique aqui


 

Acesse o canal DrogaVET no Youtube!

VEJA MAIS E SE INSCREVA NO CANAL: DrogaVET – Saúde Animal

Veja outros artigos nas mesmas categorias:

Leave a Reply